Domingo, 15 de Março de 2009

A Manifestação de 13 de Março foi a Lisboa dizer basta ao Capitalismo!

Notas de participação: Foi a maior manifestação de sempre da classe trabalhadora portuguesa disseram alguns jornalistas presentes no local, a CGTP disse que foram mais de 200 mil mas eu acho que o número provavelmente atingiu os 250 mil ou até 300 mil. O ambiente da manifestação era festivo, como se os trabalhadores festejassem poder criticar o governo e os patrões e chamar-lhes de mentirosos e vigaristas.

 

Mas sabemos que isto não chega, é preciso continuar as lutas, radicaliza-las e dar lhes mais objectivos politicos revolucionários. É preciso aproveitar as próximas eleições e castigar severamente a Burguesia e seus partidos PS-PSD-CDS, votando massivamente nos partidos da esquerda. A saída para a crise é via do Socialismo com os seus 3 pilares: nacionalizações, controle operário e reforma agrária. E só para começar - já que a origem da crise está no sistema financeiro - devia-se nacionalizar, sem indeminização, definitivamente a Banca e os Seguros, para reequilibrar as suas contas com os seus próprios lucros e não com o dinheiro dos contribuintes. Sim é verdade, é preciso um novo 25 de Abril.

 

 

 

 

"A crise não é resultado de um vírus que nos contaminou. Os bloqueios a que se chama crise são a expressão dos resultados das práticas patronais e das políticas seguidas ao longo dos últimos anos", afirmou Carvalho da Silva, na intervenção que fez perante milhares de manifestantes, na Praça dos Restauradores, em Lisboa.

 

O sindicalista afirmou que, para a "esmagadora maioria dos patrões", a invocação da crise "vale para tudo", apontando como exemplos, a "manipulação" dos horários de trabalho e o trabalho a recibos verdes.

 

Fonte: Jornal de Notícias

 

Ver também outros comentários à manifestação:

E de que maneira!

publicado por Rojo às 13:33
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De Mugabe a 15 de Março de 2009 às 16:14

Camarada Luis,...completamente de acordo contigo! é urgente um novo 25 de Abril, desta vez sem concessões à reacção !!

Abraço!
De Rojo a 16 de Março de 2009 às 15:45
É nessa luta que estamos camarada Mugabe! Há que aproveitar que a maré de luta está a encher.

Um abraço!

Comentar post

Informação Alternativa



Subscrever feeds

Sigam-nos no Facebook

Objectivos do Blogue

1) Apoiar a Revolução Venezuelana
2) Promover o carácter socialista da revolução
3) Combater a desinformação dos meios de comunicação capitalistas

Comentários recentes

A campanha Tirem As Mãos Da Venezuela voltou a est...
nice very thanks ver isto é bastant mt bom.. esse ...
A propósito da Venezuela, tivemos de fazer um tack...
É uma vergonha...Em Évora existe um call-center qu...
Este novo look é um espetáculo!
Olá, estou a estudar Português e eu aconteceram em...
É assim dessa forma enérgica e sem papas na língua...

Pesquisar neste blog

 

Temas

todas as tags

Ligações

participar

participe neste blog

Venezuela:

Área Total - 916.445 km²
(quase 10 vezes a área de Portugal)

População - cerca de 28 milhões
(quase 3 vezes Portugal)

PIB per capita -11.388 dólares (2008)
(em Portugal é de 22000 dólares)

Inflação: 25,1% (acumulada 2009)

Taxa de Desemprego:
6,6% (acumulado 2009)
7,5% (Nov2009)
8,1% (Out2009)
8,4% (Set2009)
8% (Ago2009)
8,5% (Jul2009)


Salário Mínimo:
1200 bolívares (206 / 461 euros) - (Jan2010)
967,50 Bolívares (313 Euros) - (Dez2009)


Índice de Pobreza: 24% (55% em 2003)
Índice de Pobreza Extrema: 7% (25% em 2003)


Mortalidade Infantil: 13,7 por cada 1.000 nascimentos (em 1998 era 26)

Esperança média de vida - 74 anos (72 em 1998)