Sábado, 22 de Maio de 2010

Eu quero perguntar : que é terrorismo… que significa terrorismo?

22 de Maio de 2010

 

Xavier Moreda

“Eu quero perguntar : que é terrorismo… que significa terrorismo?… A fame e a miséria e a forma despiadada com a que nos querem manter a fame!” (Piedad Córdoba).

Uribe foi recebido em Madrid com toda a dignidade. Um assassino que penaliza, criminaliza qualquer acordo humanitário na Colômbia; qualquer iniciativa pola paz fai parte de algum plano subversivo. Quem dá a mao a este genocida é cúmplice, é colaboracionista; nega ao povo trabalhador colombiano que luita pola verdade, pola justiça, contra a impunidade. Receber a Uribe como adail da liberdade é um acto criminoso contra o povo trabalhador colombiano.Um narco-presidente que com o abraço europeu baixo os ditados dos EUA se torna respeitável. Só um dia depois da cimeira de Madrid, quase aterrando em Bogotá, “a fiscalia asedia a Uribe por crimes de estado”. Com o que os média já chamam na Colômbia DAS-gate o terrorismo de estado propriamente.

Em Madrid corte do imperiozinho, deveram ter recebido a outras vozes que representam a coragem, a resistência, a  Piedad Córdoba por decência, já nom digo por justiça.

Alguns e algumhas tivemos a oportunidade de escuitar a sua voz profunda, lamento trocado em exigência; a dignidade de quem ainda sendo proposta para se apresentar à presidencia da República, renuncia a tal honra para continuar luitando polo direito à paz: “Manter às FARC na listagem terrorista impede chegar a umha soluçom política”.

Na Colômbia reprimem, matam. Há um genocídio silenciado, invisivilizado para amordaçar por lei, deixando sem aplicar o DIH, o direito internacional humanitário no conflito social e armado, na guerra nom reconhecida como tal polo Estado presidido polos próprios narcotraficantes com representaçom parlamentar. Piedad é o rosto da Colômbia massacrada, perseguida, torturada mas que resiste, é sem dúvida, a face da esperança da Colômbia libertada.

Asseguro que qualquer ser humano decente que escuite a Piedad ficará cheio de força para resistir e vencer os desígnios imperiais ainda apologia do terrorismo, decretada desde o “eixo do mal”.

É nojento para todos e todas que quem denuncia a presença das bases militares e a impunidade dos militares invasores que violam ou matam a vontade, é paradoxal que quem defende a paz tentando combater a ignorância sobre o conflito, as causas da guerra nom seja recebida por imperativo moral, para saber, que é terrorimo e quem é terrorista na Colômbia. É mágoa, é umha vergonha que quando o genocida é recebido em “ocidente”, Piedad Cordoba esteja ameaçada de morte, que sofra um “aviso” mafioso em Madrid dentro de um tâxi guiado por um colombiano.

Ela proclama a emergência ética, denuncia a corrupçom dos funcionários do Estado.

Piedad insiste sobre a necessidade de manter vigente a bandeira da liberdade para os presos políticos, vítimas da estratégia governamental para dissolver qualquer tentativa de paz ou opçom política. Ela é mesmo o facho que nom permite extinguir a chama contra os crimes oficiais e sistemáticos divulgados como “falsos positivos”-na teoria governamental, mortos em combate- na prática: acçons militares e paramilitares contra a populaçom civil, na maioria camponeses e camponesas, pessoas em condiçons de pobreza e absoluta miséria, as execuçons extrajudiciais, os deslocamentos, os sequestros o recrutamento forçoso dos moços e moças polos grupos paramilitares nas cidades onde a pobreza, a falta de oportunidades e a absoluta ausência de políticas públicas e sociais fai que se convertam em objecto de persecuçom a deslocaçom: 4 milhons de refugiados e refugiadas em só 8 anos, as desapariçons forçadas fam parte do quotidiano. Devemos estar junto a Piedad buscando a mesma justiça que buscamos para nós, para o reconhecimento do genocío galego e de qualquer outro. Nom podemos permitir que esses crimes fiquem impunes. Piedad Córdoba, mae, irmá.

 

Fonte: Primeira Linha

Temas: ,
publicado por Rojo às 14:36
link do post | comentar | favorito
|

Informação Alternativa



Subscrever feeds

Sigam-nos no Facebook

Objectivos do Blogue

1) Apoiar a Revolução Venezuelana
2) Promover o carácter socialista da revolução
3) Combater a desinformação dos meios de comunicação capitalistas

Comentários recentes

A campanha Tirem As Mãos Da Venezuela voltou a est...
nice very thanks ver isto é bastant mt bom.. esse ...
A propósito da Venezuela, tivemos de fazer um tack...
É uma vergonha...Em Évora existe um call-center qu...
Este novo look é um espetáculo!
Olá, estou a estudar Português e eu aconteceram em...
É assim dessa forma enérgica e sem papas na língua...

Pesquisar neste blog

 

Temas

todas as tags

Ligações

participar

participe neste blog

Venezuela:

Área Total - 916.445 km²
(quase 10 vezes a área de Portugal)

População - cerca de 28 milhões
(quase 3 vezes Portugal)

PIB per capita -11.388 dólares (2008)
(em Portugal é de 22000 dólares)

Inflação: 25,1% (acumulada 2009)

Taxa de Desemprego:
6,6% (acumulado 2009)
7,5% (Nov2009)
8,1% (Out2009)
8,4% (Set2009)
8% (Ago2009)
8,5% (Jul2009)


Salário Mínimo:
1200 bolívares (206 / 461 euros) - (Jan2010)
967,50 Bolívares (313 Euros) - (Dez2009)


Índice de Pobreza: 24% (55% em 2003)
Índice de Pobreza Extrema: 7% (25% em 2003)


Mortalidade Infantil: 13,7 por cada 1.000 nascimentos (em 1998 era 26)

Esperança média de vida - 74 anos (72 em 1998)